Se avaliarmos o aumento de produtividade e redução de custo nas operações de nossos clientes, vemos facilmente que o Hardox® tem uma participação importante e é mais fácil de identificar a sua presença, seus ganhos e benefícios já comprovados com o seu uso. Contudo, existem outras abordagens que a indústria 4.0 possui. Uma delas tem o cunho ambiental, e aqui o Hardox® também tem um papel relevante, já que com o seu uso conseguimos prolongar a vida dos ativos de nossos clientes que estão sujeitos ao desgaste, ou seja, menos aço consumido para uma vida mais longa dos componentes de desgaste do seu ativo. Outro ponto relacionado ao meio ambiente é a iniciativa HYBRIT da SSAB, que se desafiou a ser a primeira siderúrgica no mundo a produzir aço sem a utilização de combustíveis fósseis na sua cadeia produtiva.

 

O Hardox® na Indústria 4.0 

 

No momento de considerar ferramentas tecnológicas, podemos citar vários apps que a SSAB desenvolveu para, de certa forma, prever o comportamento de seus aços em diversas situações, com o WearCalc, que funcionaria como um “digital twin”, que faz simulações de desgaste dos aços Hardox® quando expostos a diferentes tipos de ambientes. Elton Santana, Supervisor Comercial da Califórnia Aços Finos, afirma: “Realmente o uso do APP WearCalc me ajuda a mostrar para nossos clientes, de forma detalhada, possíveis resultados ao realizar, por exemplo, um upgrade entre as diversas grades do Hardox®, os ganhos de durabilidade frente ao investimento a ser realizado. Com essa ferramenta, a venda se torna mais assertiva e confiável”. A SSAB também possui o WeldCalc e o BendCalc, usados para simular soldas e dobra com o Hardox®.

Mas será que o Hardox® não teria mais nenhum protagonismo na indústria 4.0? Considerando que um dos principais objetivos previstos por esta iniciativa seria a diminuição da exposição do ser humano aos riscos operacionais, podemos afirmar que o Hardox® também está em linha com essa operação mais segura. Ao usar o aço Hardox® na operação de seus ativos, você estará usando um aço com dureza consistente ao longo de sua espessura, assim permitindo uma previsibilidade do seu desgaste, independente do ambiente a que ele estiver exposto. Para termos esta previsibilidade no seu comportamento, devemos primeiramente conhecer como o Hardox® se comporta quando exposto a este desgaste. Após fazermos esta calibragem do comportamento do Hardox® quando sujeito a uma condição específica, poderemos calibrar os sistemas de monitoramento de manutenção do seu ativo. Com isso, será possível atingir resultados consistentes e processos estáveis na operação de todos os seus ativos e, logicamente, com uma menor necessidade de intervenções humanas nas frentes de trabalho para se checar medidas de desgastes, seja por meio de aparelhos ou não, permitindo maior segurança à sua operação.